Archive for the ‘Contos’ Category

Saí de casa, mais uma vez atrasado, sem conseguir resolver o entupimento no banheiro. Na banca de revistas pedi um Guaravita para a senhora religiosa que fica sem graça quando compro minhas revistas de mulher pelada. Um e trinta. Que religião mais fraca! Que leis esquisitas! Sou eu que peco e é a senhora que […]


Luz verde

23Jul11

Um no break me lembra uma casa Uma casa que era só um quarto com uma janela, uma cama, um sofá, uma tevê, uma mesa, um computador, um no break e eu Havia uma coisa de cada para não me sentir longe do mundo E a luz verde do no break dizia não pára, não […]


O som de telefone antigo combinava com a saudade que dava quando Tulipa cantava os últimos versos de longe. Saudade e paz – juntos são demais para um ser humano. Talvez, mas não doía nada. Era bom, apesar dele estar no escritório, fazendo aquele trabalho chato. Curtia o momento quando uma geração de artistas se […]