Posts Tagged ‘silêncio’

Um asteroide passava pelo contorno que a Lua faz em volta do planeta da mesma forma que a minha faca cortava a gema do meu ovo estrelado, ambos precisamente às nove e vinte e oito. Do corte da faca, o caldo amarelo se espalhava banhando o arroz e as linguiças alemãs da Pavelka; do corte da rocha espacial […]


Resumo: Um poema sobre os vultos que se escondem atrás das pilastras.


Saber falar

01Jun10

Resumo: poesia.
Abra o post para ler.